Homem agredido com paulada durante surto psicótico é encontrado morto

Por Portal Pebao

Homem agredido com paulada durante surto psicótico é encontrado morto 

Um homem de 56 anos de idade identificado como Antônio José Lima Gomes foi encontrado morto na manhã deste domingo (20) deitado em uma rede na casa onde ele morava na Rua Paxiba, no Bairro Liberdade.

De acordo com informações de um familiar da vítima, Antônio José tinha transtornos mentais e entrou em surto psicótico na última quinta-feira (17). Na ocasião, ele saiu pelas ruas com um facão na mão, colocando em risco a integridade dos demais moradores do bairro.

Diante da situação, algumas pessoas tentaram tirar o facão dele até que, uma pessoa ainda não identificada, atingiu ele na cabeça com um pedaço de madeira. A força da agressão foi tão forte ao ponto de Antônio José cair no chão e ser socorrido.

Ele deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para receber os primeiros socorros, mas mesmo com a gravidade do caso ele foi liberado pelos profissionais para retornar à residência.

Hoje pela manhã, uma irmã da vítima teve a desagradável surpresa ao visitar o irmão e encontrar o corpo já sem vida dentro de uma rede e a casa toda revirada.

A Polícia Militar foi acionada e fez a preservação do local até a chegada da Polícia Civil e do IML que procederam com a remoção do corpo para exames de perícia e abertura do inquérito para apurar possíveis responsabilidades pela morte do homem.

Não é de hoje que a situação da saúde de Parauapebas está crítica e pedindo socorro em vários setores, um dos mais afetados é o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS). O serviço é dedicado aos pacientes com transtornos mentais que necessitam de remédios controlados e acompanhamento de profissionais qualificados.

De acordo com uma fonte ouvida pelo Portal Pebão, que terá a identidade preservada, esses dois fatores têm feito o número de surtos aumentarem, uma vez que os pacientes não estão recebendo o tratamento que precisam.

Os poucos profissionais que ficaram trabalhando após a demissão em massa dos contratados estão sobrecarregados e não estão conseguindo suprir a demanda.

Portal Pebão 

Notícias Relacionadas

Deixar um comentário

© 2023 Todos os Direitos Reservados | Política de Privacidade Criado Por Portal Pebão